Gêneros Narrativos – Características e tipos: conto, novela…


Os gêneros narrativos são muito presentes no nosso dia a dia, seja em textos jornalísticos ou em entretenimento, como no caso das novelas, por exemplo. Para saber detalhes sobre esses gêneros e conferir obras de grandes narradores, confira nosso artigo.

Quais são os gêneros narrativos

Na categoria de gêneros narrativos, temos os seguintes:

Conto

Trata-se de um tipo de narração breve, na qual são observados um número reduzido de personagens. É com foco nesse número pequeno de personagens que todo enredo se desenvolve em torno de um conflito e o desfecho da narração ocorre em um curto período.



Romance

Entre os gêneros narrativos mais conhecidos na literatura está o romance. Os romances consistem numa narração bem longa, estruturada em capítulos e com riqueza de personagens. Os personagens geralmente são descritos com riqueza de detalhes, sendo envolvidos em um conflito principal e, em muitos casos, em conflitos múltiplos, formando um enredo narrativo mais complexo.

O gênero literário de romance tem suas origens na Idade Média. No entanto, somente a partir do século 18 é que as obras narrativas ganharam destaque na sociedade.

Crônica

A crônica é outro dos gêneros narrativos mais comuns. Trata-se de um texto breve elaborado com o objetivo de retratar fatos do cotidiano, pessoas, lugares, paisagens etc. A crônica é um texto que possibilita maior liberdade para o autor.

Novela

Podemos dizer que a novela é um tipo de romance que é dividido em episódios, sendo eles estruturados de forma dinâmica e contínua.

Fábula

Muito usada principalmente na literatura infantil, as fábulas apresentam um caráter pedagógico com o objetivo de transmitir ensinamentos de cunho ético e moral. As fábulas são curtas, de linguagem simples e também podem ser compostas por personagens animais.

Características dos gêneros narrativos

Para identificar os gêneros narrativos, basta ter bem claro quais são as principais características de uma narração. Vejamos quais são elas.



Presença de um narrador

O narrador exerce o papel de narrar a história, sendo que essa narração pode ser feita em terceira pessoa (o narrador é o observador e tem amplo conhecimento dos personagens e contexto geral da história) ou em primeira pessoa (quando o narrador participa ativamente da história).

Definição de tempo

Em todos os gêneros narrativos há uma clara definição de tempo, que consiste no momento em que todos os personagens vivenciam as experiências narradas. Essa definição de tempo pode ser psicológica (memórias) ou cronológica (dia, mês, ano, período histórico etc.).

Definição de espaço

O espaço na narração corresponde ao lugar no qual as ações ocorrem e se desenvolvem. Pode ser conhecido também como cenário.

Enredo

O enredo é também chamado de trama, que abrange o início, desenvolvimento, clímax e desfecho da narração.



Presença de personagens

Toda narração geralmente apresenta um ou mais protagonistas e uma série de outros personagens reais ou fictícios que geram os conflitos, ações e resoluções durante a trama.

Grandes autores de gêneros narrativos

No Brasil e no mundo, diversos autores se destacam na escrita de gêneros narrativos. Os principais deles são:

Contos

  • Alice Munro
  • Mia Couto
  • Rubem Fonseca
  • Dalton Trevisan
  • Lygia Fagundes Teles
  • João Guimarães Rosa
  • Clarice Lispector
  • Machado de Assis
  • Jorge Luis Borges
  • Edgar Allan Poe

Romances

  • Gabriel Garcia Márquez
  • Charles Dickens
  • Jane Austen
  • Fiódor Dostoiévski
  • José Saramago
  • George Orwell
  • Virgínia Woolf
  • Jorge Amado
  • José de Alencar

Crônicas

  • Rubem Braga
  • Lima Barreto
  • Machado de Assis
  • Martha Medeiros
  • Cecília Meireles
  • Nelson Rodrigues
  • Paulo Mendes de Campos
  • Carlos Drummond de Andrade
  • Clarice Lispector
  • Vinícius de Moraes

Fábulas

  • Hans Christian Andersen
  • Esopo
  • Jean de La Fontaine
  • Irmãos Grimm
  • Richard Bach

Grandes obras de gêneros narrativos

gêneros narrativos

Contos

  • Felicidade Demais (Alice Munro)
  • Os Cem Melhores Contos Brasileiros do Século (Ítalo Moriconi)
  • Contos de Aprendiz (Carlos Drummond de Andrade)
  • Contos Plausíveis (Carlos Drummond de Andrade)
  • Contos (Eça de Queiroz)

Romances

  • Vidas Secas (Graciliano Ramos)
  • Grande Sertão: Veredas (Guimarães Rosa)
  • A Paixão Segundo G.H (Clarice Lispector)
  • Cem Anos de Solidão (Gabriel Garcia Márquez)

Crônicas

  • Pequenas Epifanias (Caio Fernando Abreu)
  • Feliz Por Nada (Martha Medeiros)
  • Boca de Luar (Carlos Drummond de Andrade)
  • As Melhores Crônicas de Fernando Sabino (Fernando Sabino)
  • Em Algum Lugar do Paraíso (Luis Fernando Veríssimo)

Depois de aprender sobre gêneros narrativos, fique de olho nos nossos conteúdos sobre literatura, Língua Portuguesa e cultura de forma geral.



Imagens: br.freepik.com / napratica.org.br