Verbo Transitivo – O Que é, Tipos, Exemplos, Exercício


O estudo do verbo transitivo é um dos conteúdos mais importantes da língua portuguesa e tema recorrente nas avaliações escolares e em importantes provas como Enem, vestibulares e concursos. Para saber detalhes sobre essa matéria, confira nosso artigo.

O Que é um Verbo Transitivo?

Os verbos transitivos são aqueles que precisam de um complemento para construir o predicado, já que somente com o uso desse complemento é que o verbo (e a oração) como um todo, ganham um sentido completo.  Os complementos verbais podem ou não ser acompanhados por preposição.

Tipos de Verbos Transitivos

Os verbos transitivos recebem uma classificação de acordo com a necessidade (ou não) que um verbo possui quanto ao complemento. Vejamos.



Verbo Transitivo Direto

Os verbos transitivos diretos são aqueles que não precisam de preposição obrigatória como complemento.

Exemplo:

  • Luciano ama vinho.

Luciano ama o quê ou quem? Vinho.

Nessa frase, o verbo amar necessita de um complemento para concluir o sentido da informação que é transmitida com relação ao sujeito, sendo que apenas o uso da palavra vinho é suficiente para fazer esse complemento.

Dessa forma, pelo fato de esse verbo não estar seguido de preposição, ele é classificado como um verbo transitivo direto.

Verbo Transitivo Indireto

Os verbos tidos como transitivos indiretos são aqueles que exigem uso de preposição.



Exemplo:

  • Marcela gosta de pizza.

Marcela gosta do quê ou de quem? É preciso oferecer um complemento à oração para que ela faça total sentido. Usado sozinho (sem preposição), o verbo gostar não é capaz de transmitir adequadamente a informação.

É importante notar que a pergunta feita quanto ao verbo é de que ou de quem, o que de imediato reflete a necessidade quanto ao uso de uma preposição.

Portanto, de pizza completa o que falta para que a oração ganhe um sentido completo. Já que esse verbo necessita estar seguido pelo uso de preposição (de), ele é classificado como um verbo transitivo indireto.



Verbo Transitivo Direto e Indireto

Os verbos classificados como transitivos diretos e indiretos são aqueles que necessitam de dois complementos. Desses complementos, um é sem preposição e o outro é obrigatório uso de preposição.

Dessa forma, podemos dizer que os verbos transitivos classificados como diretos e indiretos consistem numa combinação dos verbos transitivos diretos e dos verbos transitivos indiretos.

Exemplo:

  • Lucas ofereceu doces à Carolina.

Lucas ofereceu o quê a quem? Dessa forma, o verbo oferecer precisa de dois complementos, já que são duas questões levantadas (o que e a quem).



O primeiro complemento revela que Lucas ofereceu doces. Logo, esse é um complemento sem preposição. Portanto, estamos falando de um verbo transitivo direto.

O segundo complemento revela que Lucas ofereceu os doces à Carolina, sendo que esse complemento exige uso de uma preposição (à).  Dessa forma, estamos falando de um verbo classificado como transitivo direto e indireto.

Exercício Resolvido Sobre Verbos Transitivos

verbo transitivo

1 – Classifique os verbos em destaque nas frases abaixo como verbo trans. direto, verbo trans. indireto e verbo trans. direto e indireto.

A) Já pensei no que você falou.

B) Desconfio daquela senhora.

C) A correspondência retornou a Marcos.

D) Henrique devolveu o livro à Cláudia.

E) Jorge comprou suco.

Resposta

A) VTI

B) VTI

C) VTI

D) VTDI

E) VTD

Para Fixar o Aprendizado Lembrar Que:

  • Os verbos tidos como transitivos são aqueles que necessitam de complemento.
  • O complemento de um verbo considerado como transitivo pode exigir (ou não) o uso de preposição.
  • Nos casos dos verbos que não exigem uso de preposição, eles são chamados verbos transitivos diretos.
  • Já no caso dos verbos que necessitam de preposição no complemento, eles são classificados como verbos transitivos indiretos.
  • Quando o verbo requer dois tipos de acompanhamentos (sem e com preposição), ele é chamado de verbo transitivo direto e indireto.
  • Para definir se um verbo é transitivo direto, no que diz respeito ao sujeito da ação, perguntar sempre: o que / quem.
  • Para definir se um verbo é classificado como transitivo indireto, no que diz respeito ao sujeito da ação, perguntar sempre: do que / de quem.
  • Para definir se um verbo é transitivo direto e indireto, no que diz respeito ao sujeito da ação, perguntar sempre: o que / a quem.

Depois de aprender sobre verbo transitivo, fique por dentro dos nossos outros conteúdos sobre importantes matérias da língua portuguesa e dicas excelentes de como fazer uma redação nota 10.

Imagens: amenteemaravilhosa.com.br / freepik.com