Imperativo Verbal – Definição, Formação e Exemplos


O modo verbal imperativo é estudado logo nos primeiros anos escolares, sendo amplamente empregado em diversas situações, seja na comunicação escrita ou oral. Para saber todos os detalhes sobre essa matéria, confira nosso post.

O que é o modo verbal imperativo?

O verbo no imperativo apresenta uma atitude de interferência do comunicante sobre o interlocutor, estabelecendo ordem, mando, solicitação, convite ou conselho. Esses verbos podem exprimir diversas atitudes do comunicante em relação ao interlocutor, sendo que, para diferenciá-las, é necessário observar a entoação da frase e a ideia pretendida.

Características dos verbos no imperativo

De forma geral, esse modo verbal é empregado nas orações absolutas, coordenadas e principais. Pelo fato de nesses verbos o comunicante sempre se dirigir a um interlocutor, esse interlocutor pode referir-se às segundas e terceiras pessoas e primeira pessoa do plural. Outra característica das frases imperativas é que, muitas vezes, elas vêm acompanhadas do ponto de exclamação (!), o que indica o tom de ordem, mando, solicitação, convite ou conselho.



Exemplos:

  • Passe-me o sal, por favor. (exprime uma solicitação)
  • Não deixe o carro na rua, guarde-o na garagem! (exprime um conselho)
  • Fale baixo! (exprime uma ordem)
  • Fuja daqui! (exprime uma ordem)
  • Devolva-me os quadros! (exprime uma ordem)

A formação dos verbos  imperativos pode ser realizada no afirmativo e no negativo. É o que veremos a seguir.

Formação do imperativo

Forma afirmativa

A – As segundas pessoas (tu e vós) derivam das formas do presente do indicativo, retirando-se delas a letra S;

B – As demais pessoas são idênticas às do presente do subjuntivo.

Presente do indicativo

Imperativo afirmativo

Presente do subjuntivo

canto cante
cantas canta tu        cantes
canta cante você     cante
cantamos cantemos nós cantemos
cantais cantai vós     canteis
cantam cantem vocês cantem

Observação:

Os verbos trazer, dizer e fazer e os verbos terminados em –uzir (produzir, conduzir, aduzir etc.) permitem duas formas na segunda pessoa do singular, conforme exemplo:



  • produz / produze
  • diz / dize
  • conduz / conduze
  • faz / faze
  • traz / traze

Forma negativa

O imperativo negativo é derivado do presente do subjuntivo. Suas formas são idênticas, bastando acrescentar o advérbio de negação e excluir a primeira pessoa do singular. Vejamos o exemplo:

Presente do subjuntivo

Imperativo negativo

cante
cantes não cante tu
cante não cante você
cantemos não cantemos nós
canteis não canteis vós
cantem não cantem vocês

Obs.: a tabela acima apresentada não é aplicada ao verbo ser. No modo imperativo negativo, esse verbo fica da seguinte forma:

afirmativo

negativo

sê tu não sejas
seja você não seja
sejamos nós não sejamos
sede vós não sejais
sejam vocês não sejam

Exemplos de frases com verbos no imperativo

  • Vamos, andem!
  • Desculpe-me, eu lhe imploro.
  • Por gentileza, diga-me onde fica esta empresa.
  • Organizem-se rápido!
  • Faça o que digo, já!

Frases no imperativo em anúncios e propagandas

As frases nesse modo verbal são muito utilizadas em anúncios e propagandas, seja impressa em panfletos, folders etc. ou nas mídias digitais. Vejamos alguns exemplos:

imperativo



Frases imperativas: “Avon chama!” e “Receba-a”.

imperativo

Frase imperativa: “use película.”

imperativo



Frase imperativa: “veja como a economia vai andar em setembro.”

imperativo

Frase imperativa: “tome gelado neste verão.”

Entre os verbos imperativos mais utilizados em anúncios e propagandas, estão:

  • Compre;
  • Fale;
  • Veja;
  • Beba;
  • Perceba;
  • Ouça;
  • Coma;
  • Aproveite;
  • Participe;
  • Comece;
  • Leia;
  • Curta;
  • Compartilhe;
  • Acesse;
  • Clique;
  • Seja;
  • Faça;
  • Invista;
  • Busque;
  • Pesquise;
  • Realize;
  • Conheça.

Exercícios sobre o modo imperativo

1 – Nas frases abaixo, aponte qual é a única delas que está de acordo com a norma escrita culta da língua portuguesa:

A – Em situação de acidente, não siga viagem. Pede o apoio de um policial.

B – Confira as receitas surpreendentes feitas para você. Clica aqui!

C – Cura-te a ti mesmo e seja pleno!

D – Mostra que você tem bom coração. Ajude para a campanha do agasalho!

E – Não subestime o cliente. Venda itens de boa procedência.

Resposta correta: letra E.

2 – Passe o texto abaixo para a forma negativa:

“Sai daqui! Foge! Abandona o que é teu e esquece-me”.

Resposta: “Não saias daqui! Não fujas! Não abandones o que é teu e não me esqueça.”

Além desses exercícios, sobretudo no caso de quem está se preparando para vestibulares, Enem e concursos, recomenda-se fazer listas de exercícios específicos sobre os modos verbais, incluindo o imperativo.

Imagens: br.pinterest.com / retrojornal.blogspot.com.br / kado.art.br / sequenciadidaticadeportugues2014.blogspot.com.br / unicesumar.edu.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezessete + 2 =